quinta-feira, maio 07, 2009

Um cartaz, com uma jovem espectacular, na montra de um ginásio, dizia:

"ESTE VERÃO, QUERES SER SEREIA OU BALEIA?"

Dizem que uma mulher jovem-madura, cujas características físicas não interessam, respondeu à pergunta publicitária nestes termos:

"Estimados Senhores:

As baleias estão sempre rodeadas de amigos (golfinhos, leões-marinhos, humanos curiosos). Têm uma vida sexual muito activa, engravidam e têm baleiazinhas ternurentas, às quais amamentam.
Divertem-se à brava com os golfinhos, enchendo a barriga de camarões.
Brincam e nadam, sulcando os mares, conhecendo lugares tão maravilhosos como a Patagónia, o mar de Barens ou os recifes de coral da Polinésia.
As baleias cantam muito bem e até gravam CD's. São impressionantes e praticamente não têm outros predadores além dos humanos. São queridas, defendidas e admiradas por quase toda a gente.

As sereias não existem. E, se existissem, fariam fila nas consultas dos psicanalistas, porque teríam um grave problema de personalidade, "mulher ou peixe?".
Não têm vida sexual, porque matam os homens que delas se aproximam, além disso, por onde? Por isso, também não têm filhos. São bonitas, é verdade, mas solitárias e tristes. Além disso, quem quereria aproximar-se de uma rapariga que cheira a peixaria?
Para mim está claro, quero ser baleia.

P.S.: Nesta época em que os meios de comunicação nos metem na cabeça a ideia de que apenas as magras são bonitas, prefiro disfrutar de um gelado com os meus filhos, de um bom jantar com um homem que me faça vibrar, de um café e bolos com os meus amigos.

Com o tempo ganhamos peso, porque ao acumular tanta informação na cabeça, quando já não cabe, espalha-se pelo resto do corpo, por isso não estamos gordas, somos tremendamente cultas. A partir de hoje, quando vir o meu rabo no espelho, pensarei, Meu Deus, que inteligente que sou..."



Recebido por email

5 comments:

elvira carvalho disse...

E não é que tinha razão?
Um abraço

Pitanga Doce disse...

Sabes que nunca tinha pensado nisso? Que a nossa cultura espalha-se pelo corpo. Então a minha está concentrada (e muito, no momento) em dois lugares. Nos peitos e na bunda. heheh

Pode-se dizer bunda, aqui? Se não pode, desculpa pela bunda!

beijos

lilipat2008 disse...

Já tinha recebido este mail...está absolutamente fantástico...:)
É como se costuma dizer: "tenho pneus, sim; mas qual é o avião que não tem?" ehehehe

bjitos

fj disse...

cheguei tarde, mas a tempo de ler esta preciosidade...nem vou visitar mais blogs ...por hoje!

Fui!!!...com um largo sorriso!
beijinhos

até amanhã__________:)))))))))))

zzzzzzzzzzzzzzzz

Ovinho Estrela(do) disse...

Há semanas comentei um post igual a este!

E tal como lá, repito aqui: eu que andava tão contente com o meu emagrecimento... Vejo-me prestes a voltar a ter vontade de recuperar os meus quilos perdidos!!

Começo a prever algumas incompatibilidades entre a minha inteligência e a elegância dos últimos tempos!
Ou não!

Que gordura é formosura, bem sei!
Mas mais arranjadinha, menos roliça e tal, não há-de afectar este excesso de inteligência que me foi, inatamente, atribuído! eheheheh

Beijos, Dina.
Bom fim-de-semana.

Blogues da Minha Filha

Seguidores

Arquivo do blogue