sexta-feira, agosto 22, 2008


A primeira notícia que ouvi hoje deixou-me muito preocupada.


Violência doméstica já matou mais este ano





No ano de 2007 foram 23 os casos de homícidio conjugal este ano e ainda estamos em Agosto o número já vai em 31...





Se começarmos a pensar que têm também aumentado o número de casos de abuso sexual de menores...de assaltos à mão armada...de homícios...é caso para começarmos a ficar sériamente preocupados copm a sociedade em que vivemos e com a que vamos deixar aos nossos filhos e netos.


O mundo está a ficar louco??

ADENDA: A propósito do tema, ao ver esta notícia fiquei perplexa.
Pela situação, pela reacção da família e pela atitude das forçs de segurança.
A polícia esteve no local mas retirou-se pouco depois sem tomar medidas para evitar que a situação se repita? Porquê? Porque a menina de 5 anos é romena? Não deixa de ser uma criança em risco...e a sofrer abusos por parte de quem devia zelar por ela.

5 comments:

AP disse...

Creio que este tema ainda é tabu no nosso país, só assim se compreende o silêncio da comunicação social sobre estes casos. Já houve 31 mortes, mas eu não vi uma única notícia num telejornal sobre algum destes casos. Ou ando muito distraído, ou é coincidência...
É preciso mais divulgação, e dar voz a estas vitimas. A máxima "entre marido e mulher ninguém mete a colher" já está fora de moda!
Em Espanha não há um único caso que não seja divulgado. E é por aqui, pela divulgação, que começa luta contra este drama.

Dina disse...

A violência doméstica passou a ser considerada crime público mas ainda existe a mentalidade de não se meterem...
Há pouco li uma notícia no Correio da manhã que me deixou...nem sei como, revoltada, indignada mas sobretudo alarmada, um adolescente de 16 anos foi apanhado quando mantinha relações exuais com uma menina de 5 anos que ainda por cima vive na mesma casa que ele, chamada a polícia nem jovem nem criança foram encontrados porque a família os escondeu...são romenos que vivem em Portugal e segundo relatos a violência sdobre as crianças é diária...

Pitanga Doce disse...

Dina estás lembrada de uma reportagem que fizeram no ano passado com famílias vindas do Leste Europeu, com jovens e mulheres e que eles, principalmente os romenos se diziam (com grande naturalidade) já mendigos na sua terra natal mas que entenderam que aqui ganhariam mais pois há mais gente com dinheiro? E que as mulheres mendigavam para os maridos? Pois é. Abriram-se as portas...

Tite disse...

ESTE ASSUNTO DEPRIME-ME!!!
Todas as mulheres que aceitam ser violentadas, deviam partir para o divórcio imediatamente, mas... há sempre justificações para elas adiarem essa solução.
Por amor? Por dependência económica? Por vergonha?
Sabe-se lá!
Eu nunca aguentaria...

lilipat2008 disse...

É terrível pensar na quantidade de pessoas que sofre com este drama...e secalhar bem mais perto de nós do que imaginamos...

:|

Blogues da Minha Filha

Seguidores

Arquivo do blogue